Até o dia 31 de outubro está em cartaz na Biblioteca de Temática Feminista Cora Coralina no Bairro de Guaianases, Zona Leste de São Paulo a Exposição: ‘Memórias da Biblioteca Cora Coralina – Cinco Décadas de História em Guaianases’

Memórias da Biblioteca Cora Coralina: Cinco décadas de histórias em Guaianases

Localizada no bairro de Guaianases, no extremo leste de São Paulo, a biblioteca apresenta já em sua denominação dois fatos importantes: homenageia a poetiza goiana Cora Coralina (1889-1985) e é referenciada dentro dos circuitos das bibliotecas públicas com a temática feminista, tornando-se assim uma referência em pesquisas nos estudos e expressões nesta área.
A exposição “Memórias da Biblioteca Cora Coralina: Cinco décadas de histórias em Guaianases” abre o seu acervo público narrando os seus 53 anos de história desde a sua fundação em 1966. Apresentaremos documentos, jornais, revistas, imagens e outros objetos que reconstroem a trajetória de um equipamento público que se faz presente nas várias gerações da população local. Presente na memória do bairro, a biblioteca Cora Coralina não é somente um espaço de pesquisa e estudos, mas um patrimônio relevante de festividades e atividades culturais diversas. Deste modo, a exposição vai abordar a história da biblioteca e sua ligação com a história do bairro de Guaianases, além de um espaço dedicado para as obras e vida de Cora Coralina e a temática Feminista da biblioteca (história da ocupação, documentos e materiais produzidos por mulheres na biblioteca).
A exposição é organizada pelo Centro de Pesquisa de Documentação Histórica Guaianás – CPDOC Guaianás, coletivo que atua na região desde 2012, com o objetivo de valorizar a memória e história dos bairros do extremo Leste da cidade, através de oficinas, exposições, entrevistas, visitas e roteiros históricos.

Abertura: 17/08/2019
Horário: 12:00
Serviço: 17/08/2019 à 31/10/2019

 

 

 

Horário de funcionamento da biblioteca

Realização CPDOC Guaianás
Apoio Lei de Fomento à Cultura da Periferia